EI e EF I – GI e 1º ano – Expectativas de participação e aprendizagem 2020

20/08/2020

Caras famílias de GI e 1º ano,

 

Assuntos

  • Os objetivos principais do novo ritmo de aulas e encontros é propiciar a continuidade da experiência escolar, com seus desafios de aprendizagem e convivência.
  • Considerando que o trabalho mediado por tecnologias deverá estruturar a experiência educacional ao longo deste ano, e que as famílias ocupam um lugar muito especial neste ano escolar atípico, partilhamos aqui nossas expectativas de participação e aprendizado para este período, detalhando aspectos relativos à presença; à participação nas aulas e encontros; e à elaboração, envio e/ou postagem das produções solicitadas.
  • Convidaremos as famílias para uma conversa sobre essas expectativas junto com as crianças. Ela será agendada em uma videoconferência coletiva pela tabela de encontros que enviamos toda semana.
  • Contamos com o retorno de vocês sobre a adaptação das crianças ao novo ritmo e sobre a sua experiência escolar como aspectos fundamentais a considerar em nossa avaliação e replanejamento das propostas e intervenções.

Compartilhamos com vocês, na carta enviada em 31 de julho, a nossa proposta de aumento gradual no número de videoconferências semanais com as crianças e os novos formatos para estes encontros. Nesta semana, de 17 a 21 de agosto, esta proposta começou a se instaurar plenamente, ou seja, é agora que as crianças e vocês começam a experimentar o modelo de trabalho que estamos propondo para o segundo semestre.

Não temos previsão concreta de retorno às atividades presenciais e, mesmo que elas ocorram, serão coadjuvantes no contato com as crianças, uma vez que nem todas as famílias se sentirão seguras para levar as crianças à escola. Tendo em vista que o trabalho mediado por tecnologias deverá estruturar a experiência educacional ao longo desse ano, nos parece importante repactuar com vocês o vínculo com a escola e esta forma nova – ainda que mais familiar agora – de ensinar e aprender. Consideramos fundamental, assim, explicitar da melhor forma possível para as crianças e para vocês, que estão em um lugar muito especial no acompanhamento da vida escolar, quais são as nossas expectativas e critérios de avaliação para este período letivo.

 

Presença

Sabemos que a presença nas videoconferências tem ônus e bônus muito particulares para cada família, mas gostaríamos de contar com a participação das crianças em todas as situações propostas, como seria se estivéssemos na escola.

Temos a intenção de considerar as particularidades de cada família, como situações adversas, disponibilidade de recursos tecnológicos e como cada criança lida com os encontros à distância. Em caso de necessidade, pedimos que nos escrevam pelo e-mail da orientação e/ou agendem uma conversa conosco.

 

Forma de participação nos encontros

Estar presente é uma parte obviamente fundamental da manutenção do vínculo com a escola, mas queremos aqui tratar também do como.

Manter a pontualidade, respeitar os combinados sobre o turno da palavra, manter a câmera aberta e trazer materiais requisitados são alguns aspectos importantes para o bom andamento das videoconferências.

Sabemos que, no caso das crianças pequenas, a responsabilidade do aluno e da família se misturam e por isso também é fundamental tratarmos da questão da autonomia.

Cada família faz combinados em torno da divisão de tarefas conforme julgar mais adequado, mas do ponto de vista da escola, nossa expectativa é que as crianças possam zelar pelos seus compromissos escolares o máximo possível. Neste sentido, durante os encontros sugerimos que os responsáveis estejam disponíveis para apoiar seu filho ou filha apenas quando solicitado pela criança ou pela professora. Nossa intenção é que o protagonismo da criança seja preservado, de forma que suas dúvidas possam ser dirigidas às professoras e que os pais estimulem este encaminhamento por parte da criança.

 

Elaboração, envio e/ou postagem das produções solicitadas

As atividades realizadas pelas crianças são um recorte fundamental para entendermos o que cada criança está pensando, que dificuldades ou facilidades está tendo diante das nossas propostas. Para isso, é preciso que sejam feitas com empenho, a fim de demonstrar a melhor produção possível para aquela criança, naquele momento.

Como na escola – em relação às propostas, lições de classe e casa – nossa expectativa é de que as crianças nos enviem todas as produções e/ou realizem todas as postagens solicitadas. Solicitamos às famílias que tentem garantir o envio/postagem, como forma de possibilitar a manutenção do vínculo e o investimento nas propostas escolares, assim como o aprendizado.

No entanto, sabemos que muitas vezes as crianças apresentam resistência a realizar a proposta e, neste caso, é importante que vocês nos informem. É interessante sabermos se o que levou ao atraso ou à não entrega foi uma dificuldade, dúvida, desinteresse ou outra motivação. Desta forma, podemos repensar as solicitações seguintes.

Gostaríamos de conversar com vocês sobre estes critérios partilhados aqui, entender como isso ressoa em casa, tirar dúvidas e trocar ideias a respeito do segundo semestre escolar dos seus filhos e filhas. Pensamos que seria interessante, inclusive, fazer isso entre pais e filhos, incluindo as crianças nesta conversa. Vamos disponibilizar a próxima videoconferência coletiva para isso e estão todos convidados para este encontro. Nele, as professoras contarão mais sobre as expectativas em torno do aprendizado das crianças e será uma boa oportunidade de fazermos combinados e afinar nossa parceria.

Cada família poderá consultar o dia e horário da videoconferência destinada a este encontro na tabela de encontros que enviamos toda semana. Esperamos vocês!

Contamos com a proximidade de vocês e lembramos que podem nos escrever pelo e-mail dos grupos ou diretamente para a orientação do ciclo (orientação.ei.ef1@colegioequipe.g12.br).

Desejamos novamente um ótimo semestre e que esse período nos traga muitos aprendizados, os escolares e muitos outros!

Um abraço,

 

Adriana Mangabeira, Ana Marotto, Flávio Cidade, Joana Elkis,

Leonardo Golodne, Rita de Oliveira e Sheila Valezi

Orientação de EI e EF I

EI e EF I – GI e 1º ano – Expectativas de participação e aprendizagem 2020

20/08/2020

Caras famílias de GI e 1º ano,

 

Assuntos

  • Os objetivos principais do novo ritmo de aulas e encontros é propiciar a continuidade da experiência escolar, com seus desafios de aprendizagem e convivência.
  • Considerando que o trabalho mediado por tecnologias deverá estruturar a experiência educacional ao longo deste ano, e que as famílias ocupam um lugar muito especial neste ano escolar atípico, partilhamos aqui nossas expectativas de participação e aprendizado para este período, detalhando aspectos relativos à presença; à participação nas aulas e encontros; e à elaboração, envio e/ou postagem das produções solicitadas.
  • Convidaremos as famílias para uma conversa sobre essas expectativas junto com as crianças. Ela será agendada em uma videoconferência coletiva pela tabela de encontros que enviamos toda semana.
  • Contamos com o retorno de vocês sobre a adaptação das crianças ao novo ritmo e sobre a sua experiência escolar como aspectos fundamentais a considerar em nossa avaliação e replanejamento das propostas e intervenções.

Compartilhamos com vocês, na carta enviada em 31 de julho, a nossa proposta de aumento gradual no número de videoconferências semanais com as crianças e os novos formatos para estes encontros. Nesta semana, de 17 a 21 de agosto, esta proposta começou a se instaurar plenamente, ou seja, é agora que as crianças e vocês começam a experimentar o modelo de trabalho que estamos propondo para o segundo semestre.

Não temos previsão concreta de retorno às atividades presenciais e, mesmo que elas ocorram, serão coadjuvantes no contato com as crianças, uma vez que nem todas as famílias se sentirão seguras para levar as crianças à escola. Tendo em vista que o trabalho mediado por tecnologias deverá estruturar a experiência educacional ao longo desse ano, nos parece importante repactuar com vocês o vínculo com a escola e esta forma nova – ainda que mais familiar agora – de ensinar e aprender. Consideramos fundamental, assim, explicitar da melhor forma possível para as crianças e para vocês, que estão em um lugar muito especial no acompanhamento da vida escolar, quais são as nossas expectativas e critérios de avaliação para este período letivo.

 

Presença

Sabemos que a presença nas videoconferências tem ônus e bônus muito particulares para cada família, mas gostaríamos de contar com a participação das crianças em todas as situações propostas, como seria se estivéssemos na escola.

Temos a intenção de considerar as particularidades de cada família, como situações adversas, disponibilidade de recursos tecnológicos e como cada criança lida com os encontros à distância. Em caso de necessidade, pedimos que nos escrevam pelo e-mail da orientação e/ou agendem uma conversa conosco.

 

Forma de participação nos encontros

Estar presente é uma parte obviamente fundamental da manutenção do vínculo com a escola, mas queremos aqui tratar também do como.

Manter a pontualidade, respeitar os combinados sobre o turno da palavra, manter a câmera aberta e trazer materiais requisitados são alguns aspectos importantes para o bom andamento das videoconferências.

Sabemos que, no caso das crianças pequenas, a responsabilidade do aluno e da família se misturam e por isso também é fundamental tratarmos da questão da autonomia.

Cada família faz combinados em torno da divisão de tarefas conforme julgar mais adequado, mas do ponto de vista da escola, nossa expectativa é que as crianças possam zelar pelos seus compromissos escolares o máximo possível. Neste sentido, durante os encontros sugerimos que os responsáveis estejam disponíveis para apoiar seu filho ou filha apenas quando solicitado pela criança ou pela professora. Nossa intenção é que o protagonismo da criança seja preservado, de forma que suas dúvidas possam ser dirigidas às professoras e que os pais estimulem este encaminhamento por parte da criança.

 

Elaboração, envio e/ou postagem das produções solicitadas

As atividades realizadas pelas crianças são um recorte fundamental para entendermos o que cada criança está pensando, que dificuldades ou facilidades está tendo diante das nossas propostas. Para isso, é preciso que sejam feitas com empenho, a fim de demonstrar a melhor produção possível para aquela criança, naquele momento.

Como na escola – em relação às propostas, lições de classe e casa – nossa expectativa é de que as crianças nos enviem todas as produções e/ou realizem todas as postagens solicitadas. Solicitamos às famílias que tentem garantir o envio/postagem, como forma de possibilitar a manutenção do vínculo e o investimento nas propostas escolares, assim como o aprendizado.

No entanto, sabemos que muitas vezes as crianças apresentam resistência a realizar a proposta e, neste caso, é importante que vocês nos informem. É interessante sabermos se o que levou ao atraso ou à não entrega foi uma dificuldade, dúvida, desinteresse ou outra motivação. Desta forma, podemos repensar as solicitações seguintes.

Gostaríamos de conversar com vocês sobre estes critérios partilhados aqui, entender como isso ressoa em casa, tirar dúvidas e trocar ideias a respeito do segundo semestre escolar dos seus filhos e filhas. Pensamos que seria interessante, inclusive, fazer isso entre pais e filhos, incluindo as crianças nesta conversa. Vamos disponibilizar a próxima videoconferência coletiva para isso e estão todos convidados para este encontro. Nele, as professoras contarão mais sobre as expectativas em torno do aprendizado das crianças e será uma boa oportunidade de fazermos combinados e afinar nossa parceria.

Cada família poderá consultar o dia e horário da videoconferência destinada a este encontro na tabela de encontros que enviamos toda semana. Esperamos vocês!

Contamos com a proximidade de vocês e lembramos que podem nos escrever pelo e-mail dos grupos ou diretamente para a orientação do ciclo (orientação.ei.ef1@colegioequipe.g12.br).

Desejamos novamente um ótimo semestre e que esse período nos traga muitos aprendizados, os escolares e muitos outros!

Um abraço,

 

Adriana Mangabeira, Ana Marotto, Flávio Cidade, Joana Elkis,

Leonardo Golodne, Rita de Oliveira e Sheila Valezi

Orientação de EI e EF I

Rua São Vicente de Paulo, 374
Higienópolis, São Paulo - SP

(11) 3662 - 6500

(11) 3579 - 9150

(11) 97374 – 8388

equipe@colegioequipe.g12.br

© Colégio Equipe - 2021

Rua São Vicente de Paulo, 374
Higienópolis, São Paulo - SP

(11) 3662 - 6500

(11) 3579 - 9150

(11) 97374 – 8388

equipe@colegioequipe.g12.br

© Colégio Equipe - 2021