Usuário:
 
Senha:
Busca
Cadastro
Início + Como trabalhamos+ Ensino Fundamental I
Ensino Fundamental I - 2º ao 5º ano   23/10/07
 
 

O compromisso com os estudos

Nessa segunda etapa de escolarização, nosso trabalho enfatiza o aprendizado de uma postura que possibilite o desenvolvimento individual e coletivo visando à apropriação e à ampliação de recursos de comunicação e expressão nas diferentes linguagens e áreas do conhecimento.

Como na Educação Infantil, o aprendizado pressupõe o cuidado na constituição de um grupo cuja dinâmica permita que os alunos, junto conosco, construam e se comprometam com as regras e os valores que organizam a vida escolar. Nossas intervenções buscam garantir o respeito necessário para que cada aluno possa expressar seus conhecimentos e dúvidas, colaborando com as pesquisas e sistematizações coletivas.

Projetos que integram, de forma sistemática ou pontual, alunos de diferentes séries e níveis de escolaridade, bem como trabalhos de campo acompanhados por monitores-alunos (do Ensino Fundamental II ou do Ensino Médio), ampliam as possibilidades de convivência, aprendizagem coletiva e seriedade no estudo.

 

Nossas escolhas curriculares

O currículo articula aprendizados nas áreas de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências, Inglês, Artes, Música, Educação Física e Capoeira.

 

Período integral

Do 2º ao 5º ano, os alunos permanecem na escola em período integral por um dia na semana, o que nos permite manter um currículo amplo, com diferentes linguagens e possibilidades de interação lúdica, aprofundando simultaneamente o estudo nas áreas básicas. Nosso objetivo é propiciar:

  • a continuidade e o aprofundamento do trabalho com professores especialistas de Música, Artes, Educação Física e Capoeira;
  • o aprendizado de Língua Inglesa;
  • propostas de integração entre as quatro séries em projetos lúdicos de aprendizagem em torno dos eixos de artes (plásticas, dramáticas, visuais e com utilização de diferentes mídias), linguagens, atividades culturais, atividades físicas, culinária, brincadeiras, jogos e trabalhos manuais, que são definidos considerando as sugestões dos alunos e eleitos semestralmente por eles.

 

Propostas de integração

A integração entre alunos é proposta também no aprendizado de conteúdos curriculares, pois entendemos que a aprendizagem não é um processo linear e a divisão por séries nem sempre corresponde às reais aprendizagens e possibilidades de avanço dos alunos.

Valorizando a colaboração, selecionamos alguns conteúdos para planejar estudos em integração que nos permitem intensificar as propostas de trabalho com grupos heterogêneos:

  • atividades de leitura e escrita e de jogos de matemática entre 1º e 2º ano;
  • estudos de ciências e geometria entre alunos de 2º e 3º ano.

 


Ensino Fundamental I / Principais Diretrizes


 

2º ano
O momento dos novos desafios: organização e postura

Ao iniciarem o 2º ano do Ensino Fundamental, nossos alunos vivem um momento significativo no seu processo de desenvolvimento e aprendizagem, marcado por novas exigências em relação ao estudo e ao ambiente escolar.

Nosso trabalho visa acompanhá-los e desafiá-los, acolhendo-os em seus diferentes ritmos e possibilidades. Nesse sentido, temos como principais objetivos que o aluno:

  • integre-se à nova rotina escolar;
  • adquira autonomia no uso e conservação do novo material;
  • perceba a necessidade de se concentrar e dedicar mais tempo a estudar, tanto em classe como em casa;
  • integre-se à nova configuração do grupo, contribuindo para o trabalho coletivo e respeitando o processo de aprendizagem dos colegas;
  • organize-se frente ao estudo, inclusive diante das novas áreas curriculares, apropriando-se dos conteúdos propostos;
  • acompanhe a introdução do processo de avaliação desse nível de escolaridade, compreendendo-o como forma de ajudá-lo a conscientizar-se de suas conquistas e obter ajuda e/ou criar recursos para superar suas dificuldades.

 

3º ano
Exploração das possibilidades de estudo

Já familiarizados com as novas exigências do Ensino Fundamental, os alunos apresentam maior adequação e ritmo nas situações de trabalho, o que possibilita um aprofundamento no aprendizado dos conteúdos. Nesse momento, nossos principais objetivos são que o aluno:

  • reconheça que se apropriar de conhecimentos mais complexos nem sempre é fácil, mas a persistência para a elaboração de boas produções traz conquistas no aprendizado que nos motivam e nos alimentam;
  • dedique mais atenção ao processo e ao produto de seu trabalho, considerando a necessidade de revisão e complementação na elaboração de um bom produto final;
  • demonstre maior apropriação da escrita, da leitura e da linguagem matemática, comunicando seu pensamento de forma a ser mais bem compreendido socialmente;
  • amplie suas possibilidades de reconhecer e respeitar as diferenças individuais;
  • veja a avaliação da aprendizagem dos conteúdos e posturas como um processo contínuo, que o auxilia a apropriar-se de seus recursos para a aprendizagem.

 

4º ano
Ampliação da visão de mundo: dedicação pessoal e trabalho em grupo

Nessa série, os alunos diversificam seus interesses, ampliando sua inserção social e cultural. Temos, então, como principais objetivos que o aluno:

  • considere a escola como um espaço de estudo, que requer uma organização pessoal e posturas compatíveis;
  • compreenda que o trabalho em grupo depende de uma organização que assegure a participação de cada um, com seus diferentes pontos de vista;
  • perceba que o trabalho com os conteúdos ganhou relevância, exigindo maior concentração e dedicação;
  • amplie a competência de ler, escrever e interpretar textos e elabore suas produções buscando seguir as normas convencionais de comunicação do pensamento nas diversas áreas;
  • apreenda os conteúdos trabalhados, estabeleça relações entre eles, incluindo seus conhecimentos extraescolares, e consiga formular e emitir opiniões pessoais;
  • respeite os demais e seja justo na resolução dos conflitos, mesmo que, em algumas situações, não seja ele o beneficiado.

 

5º ano
Autonomia e compromisso

Nossa preocupação central nessa etapa é que o aluno amplie a percepção sobre seu processo de aprendizagem e se sinta participante e responsável dentro do seu grupo. Nesse sentido, nosso trabalho tem como principais objetivos possibilitar que o aluno:

  • estabeleça relações e generalizações diante dos novos conteúdos e do que estudou nas séries anteriores;
  • expresse responsabilidade e independência em relação às tarefas escolares e às suas atitudes dentro da escola;
  • articule diferentes pontos de vista, percebendo as implicações grupais de sua ação individual;
  • perceba os momentos de avaliação como oportunidade de se conscientizar e criar metas para modificar sua postura e os recursos de aprendizagem;
  • sistematize os conteúdos aprendidos nas diferentes linguagens ao longo desse nível da escolaridade.

 

Avaliação e Orientação de Estudos / Processo de recuperação

A avaliação faz parte da aprendizagem, constituindo momentos em que retomamos os objetivos propostos e o processo de cada aluno e do grupo. Seu objetivo é também reorientar as intervenções do professor e propiciar uma boa comunicação com as famílias, na busca de uma parceria que nos permita proporcionar aos alunos um espaço de aprendizagem mais próximo daquele que desejamos e no qual acreditamos.

Algumas formas específicas de registro nos permitem compartilhar o resultado da avaliação de forma mais significativa em cada ciclo.

 

Na Educação Infantil e 1º ano

  • relatórios semestrais - individuais e de grupo - dirigidos aos pais.

 

No Ensino Fundamental I

  • boletim trimestral individual, dirigido aos pais, que contém os objetivos de aprendizagem de cada área, comentários do professor, uma autoavaliação do aluno e, a partir do último trimestre do 2º ano, conceitos que expressam a qualidade do aprendizado e da produção do aluno no período.

Os conceitos são introduzidos gradativamente ao longo do 2º ano, com o objetivo de que os alunos compreendam que eles sintetizam o resultado da avaliação, permitindo que cada um se conscientize, junto com seus professores, de suas conquistas e dificuldades e possa se organizar para retomar conteúdos ou seguir avançando conforme as necessidades identificadas.

 

Orientação de estudos

Para propiciar que os alunos sejam desafiados em suas necessidades de aprendizado no contexto de sala de aula, podendo rever, se apropriar melhor ou ampliar seu conhecimento sobre os conteúdos trabalhados, são planejadas atividades em subgrupos de alunos, de maneira que alguns trabalhem de forma autônoma e outros possam contar com a ajuda de colegas (coordenadores) ou do professor para enfrentar desafios que lhes permitam avançar em suas hipóteses e conhecimentos.

Semanalmente, os grupos-classe são também reorganizados de acordo com conteúdos específicos das áreas de Língua Portuguesa e Matemática, a partir de avaliações do que cada aluno precisa aprender e pode ensinar.

Considerando que os alunos reconhecem diferenças na forma e no ritmo de aprendizado de cada um no grupo, essa proposta colabora para o aprendizado e também para que todos os alunos encontrem, no grupo, respeito à sua forma particular de aprender, podendo expressar seus conhecimentos e dúvidas.

Esse trabalho ocorre de forma contínua ao longo do ano, evidenciando de forma positiva a heterogeneidade dos grupos.

 

Língua Portuguesa

Os alunos de Educação Infantil a 3º ano integram uma entre três propostas, que envolvem desafios em relação:

  • à narrativa oral;
  • ao registro das primeiras produções escritas ou de leitura compartilhada;
  • à produção de texto ou leitura dramática.

  Os alunos de 4º e 5º ano formam pequenos subgrupos em propostas semestrais de trabalho com a produção, revisão e análise de textos com ênfase na:

  • pontuação;
  • leitura em voz alta;
  • ortografia e acentuação;
  • interpretação de textos.

 

Matemática

Os alunos de 2º a 5º ano são organizados em quatro propostas, com ênfase em:

  • situações-problema (criação, interpretação e resolução de problemas);
  • operações (uso de estratégias pessoais e algoritmos);
  • cálculo mental;
  • jogos.

 

Atividades complementares

Oficina de Construção com Madeiras: os alunos são convidados a desenvolver, com o uso de madeiras e ferramentas básicas de marcenaria, as habilidades necessárias para a execução de brinquedos e/ou utilitários propostos pelo professor e também na forma de projetos autorais.

Escola de Esportes: o objetivo é que os alunos desenvolvam habilidades específicas em algumas modalidades esportivas.

 

Alimentação

A preocupação com o que comer e como comer faz parte do nosso projeto educacional.

No refeitório e na cantina da escola, a alimentação é saudável e equilibrada, feita ou escolhida com um cuidado especial no uso não abusivo de frituras, de alimentos com aditivos químicos ou excessivamente açucarados.

 

Educação Infantil e 1º ano

O lanche é fornecido pela escola e o almoço é opcional, podendo ser contratado por até três vezes por semana, às terças, quintas e/ou sextas-feiras.

Professores acompanham as crianças no refeitório, incentivando-as a experimentar as opções e a perceber o sentido das orientações educacionais pertinentes a esse importante momento de cuidado com a saúde e o encontro social.

 

A partir do 2º ano do Ensino Fundamental

Os alunos têm a opção de trazer lanche de casa ou comprá-lo na cantina da escola.

O almoço faz parte da vida escolar dos alunos de 2º a 5º ano no dia do período integral (segunda-feira para os alunos da manhã e quarta-feira para os alunos da tarde) e pode ser contratado para as terças, quintas e/ou sextas-feiras.

Os professores continuam acompanhando os alunos do Ensino Fundamental I na cantina - nos horários de recreio - e no refeitório. Procuramos orientá-los a buscar e manter uma alimentação equilibrada e uma boa postura ao compartilhar esse momento com os colegas.

 

Horários

Para os alunos da Educação Infantil e 1º ano

Período

Entrada

Saída

Manhã

7h45

12h

Tarde

13h15

17h30

Plantões*

Manhã: 7h15 às 7h45 e 12h às 12h45
Tarde: 12h30 às 13h15 e 17h30 às 18h15

* Os plantões de entrada e saída são organizados para atender às famílias que necessitam deixar ou buscar seus filhos na escola um pouco antes ou depois dos horários de aula.

 

Para os alunos a partir do 2º ano do Ensino Fundamental I

Período

Entrada

Saída

Manhã

7h45

2ª feira: 17h55 (período integral)
3ª a 6ª feira: 12h25

Tarde

2ª, 3ª, 5ª e 6ª feira: 13h15
4ª feira: 7h45 (período integral)

17h55

Plantões*

Manhã: 7h15 às 7h45 e 12h25 às 13h
Tarde: 12h30 às 13h15 e 17h55 às 18h15

* Os plantões de entrada e saída são organizados para atender às famílias que necessitam deixar ou buscar seus filhos na escola um pouco antes ou depois dos horários de aula.

As aulas têm a duração de 50 minutos, com início às 13h15, 14h05, 14h55, 16h15 e 17h05.
O intervalo tem a duração de 30 minutos, iniciando-se às 15h45.

 

 
Clique aqui para abrir a versão de impressão
Clique aqui para vero o mapa do site
Clique aqui para ver a ajuda do site
Rua São Vicente de Paula, 374
Cep 01229-010
Higienópolis
São Paulo - SP
Tel.:(11)3579-9150
créditos do site